Você está em

A Blog Post

Anima Mundi enfrenta dificuldades e modifica espaço de exibição no Rio de Janeiro

Maior festival de animação da América Latina, o Anima Mundi está enfrentando algumas dificuldades em 2016 devido a crise atual do país, como afirmou um dos diretor do evento. Na sua 24ª edição, o evento acontecerá em nova data e mudará o seu principal espaço de exibições na cidade do Rio de Janeiro.

Devido aos Jogos Olímpicos, o Anima Mundi não acontecerá entre junho e julho como nas edições anteriores. Em 2016 a data do festival será de 24 a 30 de outubro no Rio de Janeiro e de 2 a 6 de novembro em São Paulo. Como antes, a Cinemateca Brasileira continua a receber o Anima Mundi em sua versão paulista. Contudo, no Rio de Janeiro, o núcleo central do evento que aconteceu na Cidade das Artes, na Barra, em 2015 será agora no Cine Odeon – Centro Cultural Severiano Ribeiro – e no Centro Cultural Justiça Federal, ambos no centro da cidade.

“A crise está pegando os festivais brasileiros de maneira muito forte, o que se reflete pela dificuldade cada vez maior de se levantar patrocínio. Há muitos patrocinadores sem saber o que fazer neste momento em que um dia tem Ministério da Cultura, noutro não tem, aí o MinC volta… Isso nos obriga a fazer, este ano, uma edição menor, não na quantidade de filmes, mas na extensão de dias”, explicou ao Estadão o animador César Coelho, um dos fundadores e diretores do Anima Mundi.

As incrições para o festival foram encerradas dia 15 de junho e os filmes estão em processo de seleção. Uma das grandes vontades é que seja exibido no Anima Mundi o longa The Red Turtle, animação premiada em 2016 pelo júri da seção Un Certain Regard do Festival de Cannes. Em 2015 o longa vencedor do evento foi Shaun, o Carneiro.

Adoro Cinema

Tags:,